Comunidades Kalungas recebem apoio para desenvolver atividades sustentáveis

Mobilização no Vão do Moleque

A Associação Quilombo Kalunga (AQK) desenvolve, desde abril deste ano, o Projeto Kalunga Sustentável, que visa ao desenvolvimento sustentável do Sítio Histórico e Patrimônio Cultural Kalunga, o maior território quilombo do Brasil, situado ao norte do Estado de Goiás. Entre os objetivos estão o de melhorar a capacidade profissional e gerar novas e melhores oportunidades de trabalho para essas comunidades. O projeto é desenvolvido com o patrocínio da Petrobras por meio do Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania.

Para cumprir os principais objetivos do Projeto Kalunga Sustentável, a AQK atua diretamente na promoção, incentivo e fomento do desenvolvimento econômico e social das comunidades Kalungas. Além de organizar e orientar, as ações pretendem resultar na preservação e fortalecimento da cultura kalunga e na coleta dos recursos naturais de forma sustentável, identificando na rica biodiversidade do cerrado uma fonte de oportunidades de geração de renda para as comunidades quilombolas. O projeto visa também a oferecer subsídios na área do ecoturismo.

A meta é melhorar a capacidade profissional dos kalungas, estabelecendo um ciclo de trabalho virtuoso por intermédio de planos de negócios e, com isso, fortalecer sua identidade cultural.

Serão capacitados 290 quilombolas Kalungas, em dois anos, nas áreas do ecoturismo, beneficiamento e processamento dos frutos do cerrado e em gestão de projetos. De forma indireta, será alcançado um número ainda maior de pessoas, considerando que a família toda é envolvida na coleta e beneficiamento dos frutos do cerrado.

Deixe uma resposta